Para onde vão os cães resgatados de maus-tratos?

Conheça a saga da Nala, uma Golden Retriever retirada de um canil clandestino e que encontrou amor já no lar temporário.

Da Redação Goldenlícia

 

Quando a Goldenlícia recebeu a tarefa de ajudar três cães da raça Golden Retriever, Janaina Ribeiro logo se prontificou a fazer lar temporário – uma ajuda provisória, para que animais em transição possam garantir conforto e segurança até que sejam adotados definitivamente.  Essa modalidade de abrigo é bastante solicitada por ONGs especializadas em resgates de cães, pois precisam de um tempo para a reabilitação dos bichinhos em vulnerabilidade, até que sejam tratados e castrados, para só então ganharem lares de verdade.

O que Janaina não contava é que esse encontro foi pra lá de especial. Nala foi resgatada bastante doente, porém demonstrou alegria e extrema confiança nela, o que despertou naturalmente a vontade de adotá-la.

Inspire-se com essa entrevista de puro amor:

Goldenlícia: – O que te motivou a fazer lar temporário?

Janaina: – Mesmo tendo várias cães em casa sempre temos um cantinho vago para emergência. Damos prioridade a cães idosos ou doentes que estejam precisando de um lugar pra ficar.

Goldenlícia: – Como foi o contato com a ONG?

Janaina: – Através do grupo Goldenlícia em que pediram ajuda e LT para esses cães do canil. O Aurélio (do Projeto Ajudei) entrou em contato comigo e combinamos para ir buscar a Nala.

Goldenlícia: – Já fez LT antes?

Janaina: – Sim, já fiz LT algumas vezes… Na última acabamos adotando os dois cães que também vieram de canil e eram muito traumatizados.

Goldenlícia: – Como foi encontrar com a Nala?

Janaina: – Foi um encontro de almas, parecia que ela sempre havia sido nossa. Ela é uma cachorrinha fantástica e já virou nossa filha do coração!

Goldenlícia: – Sabe algo sobre a vida dela ou sobre ela?

Janaina: – Na chácara que ela vivia haviam outros 57 cães, todos usados pra procriação. Ela estava em um canil pequeno e muito sujo com outros dois Goldens. Ela já é idosa e tem muitas marcas do sofrimento… De ter crias recorrentes e sem nenhum cuidado, ela estava com piometra (infecção no útero) e com uma fístula, uma ferida que ia na pele até a cavidade abdominal causando muita dor e uma infecção grave. E mesmo assim ela é uma cachorrinha doce e maravilhosa.

Goldenlícia: – Como foi saber que ela estava idosinha e em sofrimento?

Janaina: – Foi devastador, quanto mais sabemos de tudo que ela estava sofrendo mais ficamos indignados com essa pessoa que era o “tudo” desses cães. Além dela são vários cães idosos e doentes fisicamente e emocionalmente que precisam de ajuda, uma tristeza.

Goldenlícia: – E a chegada em casa e a adaptação com outros bichos?

Janaina: – Ela é muito boazinha e parece até ser agradecida por ter saído daquele lugar horrível. A adaptação foi quase imediata, faz as necessidades no lugar certo e adorou a caminha, ela também é muito boazinha com os outros cães. Essa é uma das vantagens de adotar um cão idoso, eles são tranquilos, não destroem nada e só querem paz e um pouquinho de amor!

Goldenlícia: – Para você, adotar é?

Janaina: – Adotar é receber amor incondicional de criaturinhas que são anjos e só nos trazem alegria.

Goldenlícia: – Se você pudesse dizer algo à Nala e ela pudesse compreender 100%, o que diria?

Janaina: – “Minha princesa, nós sabemos que você já sofreu muito nessa vida e que talvez nem devesse mais confiar no ser humano, mas fique sabendo que a partir de agora nada mais de ruim vai acontecer com você, nunca mais vai ter sofrimento, dor, medo, fome… de agora em diante você vai ter uma cama confortável, vai poder dormir no sofá, vai passear, vai estar sempre limpinha, vai ter uma família que já te ama! Nós sabemos das suas dores e vamos fazer tudo para que você fique o mais confortável possível. Não sabemos quanto tempo vamos ter com você ainda mas não importa, te prometo, você vai ser a cachorrinha mais amada do mundo. É uma honra poder te chamar de filha.. ”

Veja a evolução da Nala pelas fotografias feitas durante todo esse processo!

Imagem da Nala no dia do resgate:

Foto na chegada à casa da Janaina:

Nala durante o período no hospital:

Nala ficou 7 dias internada no Hospital Veterinário do Batel em Curitiba/PR, que ofereceu a castração dela e de outros dois Goldens resgatados do mesmo canil clandestino, fechado pela Polícia Civil.  Depois da cirugia e de contida a infecção generalizada que a acometeu, ela finalmente teve alta e agora pode aproveitar a nova família.

O sorriso da foto não deixa mentir! Nala está amando a vida nova ao lado da Janaina:

A Goldenlícia deseja muita felicidade e uma vida longa e cheia de amor e de novas histórias para a Nala! <3

 

* Os textos são originais da Redação Goldenlícia, a reprodução é permitida somente se citada a fonte. 

Fotografias: Janaina Ribeiro.